Limites da Fundação, Isaac Asimov

18.2.15

Há alguns dias atrás, finalmente terminei mais um livro. Limites da Fundação foi escrito por Isaac Asimov quase trinta anos após a conclusão da trilogia original, a pedido de seus fãs. Narra os fatos que se precederam após os eventos da primeira trilogia. Para quem não sabe, toda a história da Fundação é ambientada no espaço e teve como inspiração o clássico A História do Declínio e a Queda do Império Romano, do historiador inglês Edward Gibbon.
Sobre a História:
Um homem. Um plano. A maior aventura da história da raça humana! | Após quinhentos anos, o plano de Hari Seldon parece seguir seu objetivo sem maiores problemas. De fato, a Fundação agora é a capital de um império que domina metade dos mundos conhecidos. Existe, no entanto, quem duvide da calmaria e do bom encaminhamento do plano, a ponto de acreditar que a Segunda Fundação ainda está viva e que, secretamente, ainda controla o destino de todos. Este é o início de uma busca planetária que esconde segredos e desafia a crença cega sobre os verdadeiros desígnios da Fundação.

Comentários:
Enquanto os primeiros livros contam com diversos personagens, em diversos contextos e avançando rapidamente no tempo, Limites da Fundação trás uma abordagem diferente, pois foca na história do conselheiro Trevize, que desconfia que a Segunda Fundação ainda existe. Por conta de suas convicções, termina exilado pela prefeita de Terminus, Harla Branno, junto com o historiador Pelorat, em uma nave espacial gravitacional de última geração para procurar pela relíquia perdida: a Terra. Mas tal missão é, inicialmente, apenas um disfarce para sua procura pelo inimigo. Durante a história, temos contato com outros personagens também importantes como o Orador Gendibal, e a figura importante de Júbilo, no final. É bem interessante como aqui neste livro, várias lacunas dos livros anteriores são supridas, como por exemplo, da onde surgiu o Mulo e a justificação de seu poder de controlar mentes. A ênfase num futuro galático unificado como um super organismo, e a hiper valorização da natureza e seu equilíbrio pelos seres de Gaia beira o Paganismo! É realmente inspirador pensar em um mundo inteiro convivendo simbioticamente dessa forma.

De certo modo, para quem se interessou pela história, é possível ler este livro sem ter lido os demais. A história por si se sustenta, e breves explicações do que ocorrera anteriormente são devidamente citadas, para ambientar o leitor. No entanto, a leitura se torna ainda mais enriquecedora quando se já leu os livros anteriores. Dentre os aspectos que mais me chamaram a atenção, a memória perdida de que um dia existiu a Terra, agora transformada em um mito, é um deles. Como um único planeta poderia ter sido o início de tudo e o único habitado em uma galáxia com mais de bilhões de planetas habitados? Parece loucura, se pensar no contexto! A humanidade está avançando há tanto tempo que os olhares se voltam apenas e exclusivamente para o futuro, enquanto o passado jaz esquecido e mitificado. Outro fato incrível é que nos depararmos com as referências às Leis da Robótica, ao final do livro, que é um assunto que Asimov explora em outros livros como As Cavernas de Aço e Eu, Robô, minhas próximas leituras. Todos os mistérios e peculiaridades de Gaia; a suposta origem da humanidade esquecida; e todo o segredo envolvendo os robôs, que estavam alcançando até mesmo qualidades intrínsecas de um ser humano, contribuem pra tornar este livro fantástico e merecedor de muitos prêmios e adaptações! O livro tem 403 páginas e foi publicado pela Editora Aleph!

Recomendo muito pra quem curte ficção científica!

You Might Also Like

8 comentários

  1. Que bacana, não conhecia^^!!!

    ResponderExcluir
  2. Cara que legal essa ideia do livro. Acredito que eu deva ler um dia desses haha. Adorei a indicação grrl! Beijão!

    http://omeunaoincrivelmundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se curte ficção científica, com certeza vai gostar Myrix! <333 Obrigada pela visita!

      Excluir
  3. Ô menina de "baum" gosto!!!!! Parabéns pela bela resenha, Jaque!! Como digo...Asimov, é amô! :D
    Beijokas mil
    GalmNoir

    ResponderExcluir
  4. Parece bom. Vou anotar a dica pra quando for olhar livros novos ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai gostar bastante, tenho ctz, menine! *-*

      Excluir

Muito grata pelo contato, seja sempre bem vindo! :3
You can contact me in english too! Be welcome! ♥

HAIRTRANSFORMATIONS

INSTAGRAM

LOOKS